Muito mais que historias...

... experiencias, o cotidiano, a rotina, a vida. o nosso blog vai falar de tudo que acontece, da nossa opinião, das nossas vontades. Boa leitura!

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010

Essa noite fiz um movimento louco dentro dos meus sonhos. Senti o seu cheiro, o cheiro da madrugada. E isso muito me agrada. E eu não troco por nada. Culpada? nada disso. Tenho que acordar cedo mas nunca tive juízo. Fico puta comigo se quero e não finalizo. Foi pra eu acordar. Eu vi você se aproximar de mim. Fez que vinha, deu a volta. E se abraçou com outro alguém. Tudo não passou de ilusão. Parecia a vida me dizendo: caia em si. Tenho um demônio na carne e no corpo. Sonho acordada na escuridão da minha cela. Não sei explicar como isso acontece. Eu sinto um formigamento percorrer o meu corpo. E algo se desprende, e caminha em direção a você. Lembra de quando eu vim pra cá, a primeira vez? Virei tua vida de cabeça para baixo. Porque amor quente que nem o meu, você nunca teve nessa vida. Arrepiou por toque só. Estrago eu sei que causei. Visível, tocável e irreal. Tarde demais para nos tornarmos santos. Mas, começo a crer na ressurreição. No seu ressucitar ereto. Respiro a volúpia dos encontros casuais. Eu só peço, aparece. Não me esquece, me aquece. Você é via expressa pro excesso, diversão. É o motivo e a razão. Causa de desassossego. Estou quase sempre pronta. Quase sempre. Acho que agora eu quero morrer e viver contigo para sempre. Dance nos meus sonhos e me implore a pedir. Para que eu abra os olhos. Vem.

3 comentários:

  1. 'Estou quase sempre pronta. Quase sempre'

    ficou lindo lauris! ;x

    ResponderExcluir
  2. 'your sex is on fire'

    ResponderExcluir
  3. "Parecia a vida me dizendo: caia em si."
    a vida insiste em ser desagradável com todas nós ;/

    ResponderExcluir